domingo, maio 31, 2009

Tudo que eu precisava

4 Comments

Gente, não é novidade para ninguém que a alma da cozinha italiana está nas suas massas... aqui na região de Flores da Cunha no RS a colonização é Italiana, principalmente por imigrantes que vieram da região do Veneto, e na maioria das casas a massa é feita de forma caseira, com máquinas próprias ou com engenhocas feitas pelos homens da casa. É impressionante.
No youtube coloquei um vídeo do dia em que fui fazer massa na casa da minha mãezinha de Flores da Cunha, Ana Alice.



Essa máquina que aparece no vídeo é de semiprofissional e eu fiquei louca para ter essa máquina e nao sabia onde conseguiria comprar em Brasília e por aqui encontrei máquinas muito caras que não valeriam a pena comprar.

Mas...

Hoje passeando pelos blogs que gosto encontrei esse lançamento da Mallory, Buona Pasta, uma máquina doméstica que faz a massa caseira e tem 9 discos diferentes para que vc possa fazer vários tipos de massa.  Não é fantástico????




O melhor de tudo é o preço, a mais barata que encontrei foi em torno de 600 reais e a mais cara 1000 reais. Pesquisando bem, vc consegue comprar mais em conta...

Aguardo as novidades de vcs, quem comprou ou não... quando chegar em brasilia vou comprar a minha...

beijos

sexta-feira, maio 29, 2009

Panna cotta

3 Comments

Existem poucos doces que eu realmente goste. No segundo mês de aula, ou seja, Março as aulas de confeitaria começaram e fiquei bem feliz com os doces italianos pq percebi que eles não são tão doces como os doces brasileiros que tem essa herança adocicada por conta da colonização portuguesa...
Dentre esses doces que eu realmente gostei muito está a Panna Cotta, que seria creme de leite ou nata cozida em portugues.
O legal dessa receita é que vc pode ter uma sobremesa diferente para cada evento ou jantar que der, modificando as caldas, que podem ser de frutas, menta, chocolate e o que mais a sua criatividade mandar!!!!

Segue a receita:


Panna cotta
Nata cozida
Porção: 10 pessoas
Ingredientes:
850g de creme de leite de preferência fresco
150ml de leite
50g de açúcar cristal
8un de gelatina em folha
Gotas de essencia de baunilha (caso tenha acesso a baunilha em fava use 1/2 unidade)

Modo de preparo:
Coloque as folhas de gelatina em água fria. Se preferir usar a gelatina em pó lembre-se que a cada 7g de água use 1g de gelatina em pó.
Aqueça o creme de leite com o açúcar, o leite e a baunilha até desmanchar o açúcar. Reserve. Derreta a gelatina hidratada em banho-maria. Acrescente a gelatina aos ingredientes que foram cozidos, misture bem e filtre. Disponha em forminhas e coloque em geladeira por pelo menos 2 horas.
Na foto eu usei calda de chocolate e um morango cortado em leque para decorar...
Espero que gostem!!!!

quinta-feira, maio 28, 2009

Crema d' aspargi con funghi e caprino

1 Comments

Eu estou longe de casa, mas como estou no RS o friozinho muitas vezes pede um comidinha bem quentinha para aquecer. Esse fds recebi a visita da minha mãe aqui em Flores da Cunha e ela me deu a notícia que em Brasília o frio tbm tá ferpz... Então, que tal um creme de aspargos bem quentinho e delicioso???? 
Crema d' aspargi con funghi e caprino
Creme de aspargos com cogumelos e queijo de cabra

Porção: 10 pessoas
Ingredientes:
1200g de aspargos frescos
250g de manteiga
200g de cogumelos tipo shitake
200g de queijo de cabra
125g de batata inglesa
75g de echalotes (tipo de cebola pequenas)
75ml de azeite extravirgem
5g de tomilho
5g de manjerona
5g de ciboulete
5g de cerofólio (tipo de salsinha que se encontra desidratada no La Palma)
Sal e pimenta a gosto


Modo de preparo:
Ferva os aspargos por aproximadamente 15min. Escorra-os e reserve a água de cozimento. Seáre as pontas dos aspargos para decoração. Se possível, guarde as pontas em local aquecido.
Em uma panela, derreta metade da manteiga e adicione 30g de echalotes picadas finamente e deixe-as murchar. Em seguida, adicione os talos de aspargos, as batatas que devem ser cortadas em cubos e deixe conzinhar por 10min na água do cozimento anterior. Quando estiverem cozidos, passe no liquidificador e depois em uma peneira. Tempere com sal e pimenta-do-reino.
Em uma frigideira coloque a outra metade da manteiga e salteie os cogumelos com o restante da echalote, tomilho, manjerona, sal e pimenta.
Tempere o queijo de cabra com a ceboulete que deve ser picada e formar queneles, com a ajuda de duas colheres.
Servir o creme de aspargos, em prato fundo ou em recipientes como esse da foto.
Dica: decore com os cogumelos no centro e as pontas dos aspargos reservadas ou uma quenelle de queijo de cabra e folhinhas de cerefólio.

Gente, qualquer dúvida... entrem em contato... mil beijos!!!!!

quarta-feira, maio 27, 2009

Risotto ai peperoni e gorgonzola

1 Comments

Olá meninas,

Se tem uma coisa na cozinha italiana que eu amo é o risotto. Durante toda a minha vida admirei muito essa preparação, mas nunca tive a sorte de fazer um risotto bem feito. Não tinha a técnica e as receitas que eu pensava em fazer nunca davam as dicas para se obter o cozimento ideal. Os italianos gostam de massas e risottos bem ao dente e eu tbm. Custo vai ser repassar esse hábito para aqueles que provarão da minha comida... em geral, o brasileiro gosta do risotto bem cozido.

Então vamos aos trabalhos:




Risotto ai peperoni e gorgonzola
Risoto de pimentão e gorgonzola

Porção: 10 pessoas
Ingredientes:
700g de arroz carnaroli ou arbóreo (para quem gosta do risotto bem cozido eu sugiro o arbóreo, mas quem quiser treinar o paladar com um risotto mais ao dente recomendo o carnaroli)
400g de pimentão amarelo
400g de pimentão vermelho
250g de queijo gorgonzola
50g de cebola
15g de alho
3,5L de caldo (esse caldo pode ser elaborado a partir de sobras de carnes ou de legumes, para esse risotto eu recomendo caldo de legumes = em uma panela adicione água, cenoura, cebola e salsão, cozinhe lentamente até que os vegetais estejam bem cozidos)
175g de queijo parmesão tipo grana padano
175g de manteiga
Sal e pimenta a gosto


Modo de preparo:
Pique a cebola bem fininha, se preferir passe em um processador de modo que ela fique bem picadinha. Aqueça uma panela com azeite e doure a cebola juntamente com o alho que deve ser esmagado. Depois de dourada a cebola retire o alho da panela.
Pique os pimenões em cubinhos pequenos e alguns pedaços em forma de losango para decorar..
Adicione à panela com as cebolas douradas os pimentões e o arroz, deixe o arroz tostar por alguns minutos como se faz com o arroz branco antes de adicionar a água. Feito isso, adicione o caldo aos poucos com o auxílio de uma concha, de modo que cubra o arroz. Mexa de vez em quando e sempre que o caldo secar um pouco adicione outra concha e continue nesse processo até que obtenha o ponto ao dente. Para testar o ponto retire um grão de arroz e parta-o, se o ponto branco no meio do arroz estiver mínimo o risotto está pronto. Adicione o gorgonzola e mexa rapidamente para que ele derreta. No final do preparo adicione a manteiga e o parmesão com o fogo apagado e mexa rapidamente para conseguir uma consistência cremosa.

Pronto, sem mistérios e eu nem conseguia fazer... ai Deus!!!!

hahahhahahahhah

Beijos

terça-feira, maio 26, 2009

Agnello in crosta di erbe e mandorle

2 Comments



Imagine uma carne deliciosa... imaginou???? Pois é essa receita aqui... maravilhosa... fizemos na aula de sexta-feira, dia 22/05.



Agnello in crosta di erbe aromatiche e mandorle
Cordeiro em crosto de ervas e amêndoas


Porção: 10 pessoas
Ingredientes:
1500g de contra-filé de cordeiro sem osso
500ml de vinho tinto seco
500ml de caldo de carne
150g de toucinho de porco
150ml de azeite de oliva
30g de sálvia
30g de tomilho
30g de manjerona
30g de salsa
100g de amido de milho
30g de alho
5un de gema de ovo
250g de amêndoas
Sal e pimenta a gosto
Modo de preparo:
Corte o cordeiro em medalhões e tempere-os com sal e pimenta. Em seguida, aqueça uma frigideira com um pouco de azeite de oliva, sele os dois lados da carne e reserve-a.
Pique o alho finamente, juntamente com o toucinho e as ervas aromáticas = este composto deve formar uma pasta. Feito isso, acrescente as gemas e cubra a parte de cima da carne com essa pasta.
Para tirar a casca das amêndoas ferva a agua em uma panela e acrescente as amêndoas, quando a água ficar escura escorra as amêndoas e trasfira para uma vasilha com água fria. Esse procedimento facilitará a retirada da casca. Após esse processo, corte as amêndoas em lâminas ou pique-as como está na foto e disponha sobre a carne.
Em uma assadeira organize os pedaços de carne e acrescente o vinho tinto seco. Leve ao forno pré-aquecido à 180°C por aproximadamente 15min ou até que as amêndoas fiquem douradas.
Para fazer o molho, depois que retirar a assadeira do forno transfira o vinho que restou para uma panela e acrescente o caldo de carne aos poucos até obter um molho com pouca acidez. Em seguida, se for necessário, use o amido de milho para engrossar. Cuidado para não deixar o molho muito grosso. Lembre que deve ser um molho e não um creme.

Espero que façam a receita e amem!!!!!!!

segunda-feira, maio 25, 2009

Sformato di verdura

0 Comments


Olá queridas,

Hoje trago uma tortinha super fácil de fazer e que facilita a vida quando se tem várias sobras de verduras na geladeira e precisamos usar tudo para não estragar.
As verduras que estão nos ingredientes foram sugeridas pelo professor na aula de Antipasti. Mas, você pode usar aquelas que tiver na geladeira.


Sformato di verdura
Enformado de verduras

Porção: 10 pessoas
Ingredientes:
100g de ervilha
100g de vagem fina
100g de arpargos frescos
200g de couve-flor
100g de ervilha
 200g de espinafre
200g de cenoura
800g de molho bechamel (ou a mesma quantidade de creme de leite)
9 un de ovo
150g queijo parmesão tipo grana padano
150g de manteiga
200g farinha de rosca
Sal, noz moscada e pimenta a gosto
Modo de preparo:
Unte forminhas de empada com a manteiga e enfarinhe com a farinha de rosca.
Em uma vasilha rale o queijo.
Prepare um refratário para banho-maria.
Corte as verduras em cubos pequenos.
Numa frigideira derreter a manteiga, juntar as verduras, refogar e deixar secar.
Bater os ovos com sal, noz moscada, pimenta e o parmesão ralado. Em seguida, juntar o bechamel e as verduras.
Coloque essa mistura nas forminhas e coloque para assar no forno em banho-maria à 180°C.
Para testar se está pronto, fure com um palitinho, se sair seco pode retirar do forno.

Espero que gostem...

beijos

domingo, maio 24, 2009

O biscoito do tiramisú

2 Comments

Lembram da receita passada??? Então, hoje a receita é do biscoito que vai no Tiramisú. Conhecido como biscoito champange no Brasil o Savoiardi é um biscoito tradicional italiano e tem origem na região do Piemonte.

A receita é super fácil e pasmem não vai nada de champagne nele!!!!

P.S.: Peço desculpas pelas fotos mas nao tinha nenhuma para mostrar.



Savoiardi


Ingredientes:
75g de farinha de trigo
1 pitada de sal
75g de açúcar
3 un ovo
Açúcar refinado para polvilhar


Modo de preparo:
Separe as claras e as gemas. Bata as claras em neve. Separadamente, bata as gemas com o açúcar até obter gemas com o açúcar até obter um crem claro e fofo. A este composto crescente o sal, a farinha e por último as claras em neve.
Modele os biscoitos com saco de confeitar e bico grande liso sobre papel manteiga. Cada biscoito deve ter aproximadamente 5 cm de altura. Polvilhe os biscoitos com açúcar refinado, aguarde 10 minutos para que o açúcar seja absorvido pela massa e polvilhe novamente. Aguarde mais dois minutos de descanso. Asse em forno pré-aquecido à 180°C até que ele fique levemente dourado.
Atenção!!!! a textura desse biscoito não é a mesma do biscoito champagne que conhecemos, esse não fica duro e seco como o brasileiro. Ele é fofinho e levemente úmido.

Ciao!!!!

sábado, maio 23, 2009

A história do Tiramisú

0 Comments

Há alguns anos eu vinha sonhando com a possibilidade de fazer esse curso de gastronomia da escola ICIF e quando contei para uma amiga, pelo menos há uns 2 anos atrás, ela me disse: - Tâmara, vc tem que aprender a fazer tiramisú. Eu disse: - Claro!!!!! Sem saber nem o que era tiramisú....hhahahahahahah Passado esse tempo, vim fazer o curso (ainda estou aqui!!!! dia 6 de junho se Deus quiser eu estarei em Brasília...) e na aula de confeitaria aprendemos a fazer o tal tiramisú... Meu Jesus... que delícia... amei!!!!!! e tenho certeza que vcs vão adorar tbm...
 

Tiramisú


Porção: 10 pessoas
Ingredientes:
50ml de vinho Marsala seco
500g de biscoito savoiardi (biscoito champagne - receita de amanhã)
100g de cacau em pó
100g de café em pó
1000g de Mascarpone (tipo de queijo italiano bem cremoso)
150g de açúcar refinado
10 un ovo



Modo de preparo:
Separe as claras das gemas de ovo. Bata as claras em neve firme. Separadamente, bata as gemas com o açúcar até obter uma cor clara e um composto espumoso e liso.
Juntar o Mascarpone com as gemas e, por último, as claras em neve.
Com o pó de café passe um café bem forte e, quando estiver frio, acrescente o Marsala. Feito isso, mergulhe as bolachas duas a duas. O tempo de imersão depende do tipo de biscoito e de quanto se deseja molhá-lo.


 
Para enformar eu utilizei a argola média feita de cano de pvc. Se vc quiser fazer o mesmo formato que eu fiz, cubra a argola com filme plástico de modo que fique bem justo e deixe um espaço para que vc consiga organizar as camadas.


Como fazer as camadas:
A camada do fundo deve ser de biscoito savoiardi molhado com a mistura de café e marsala. Caso nao caiba o biscoito inteiro, coloque-o em pedaços. Em seguida, cubra com uma camada do creme feito com o mascarpone. Depois faça mais uma camada de biscoito e creme. A camada de cima deve ser de creme.
Leve a geladeira por algumas horas e antes de servir peneire o cacau em pó para decorar. 
Provem essa delícia com um belo café como fazem os italianos no final da tarde.
beijos e até a próxima.

domingo, maio 10, 2009

Primeira receita que eu fiz no curso...

0 Comments

Essa foi a primeira receitas que fizemos no curso. É extremamente saborosa e fácil de fazer. Não liguem muito para o estado da apresentação. Eu ainda não tinha muito conhecimento de como deveria ser uma apresentação de prato, por isso ficou com tanto óleo no prato. But, abstraiam o óleo que até dá para achar bonito esse prato. OK?

 



Frango recheado com espinafre e castanha de caju



Porção: 10 pessoas
Ingredientes:

3 ramos de espinafre
1 un de coxa ou coxa com a sobrecoxa
1 un de batata
20g de farinha de trigo
20g de farinha de rosca
1 dente de alho
1/4 de cebola
1 punhado de castanha de caju
1 colher de sopa de manteiga
3 a 5 folhas de sálvia

80ml Azeite de oliva extravirgem
Sal e pimenta a gosto
Modo de preparo:


Desosse o frango e tempere com sal e pimenta. Para deixar a carne mais macia e saborosa, corte finamente a salvia e misture em um pouco de manteiga, essa mistura deve ser colocada entre a pele e a carne. Cuidado para nao descolar totalmente a pele.





 Para o recheio, desfolhe os ramos de espinafre e lave corretamente. Coloque em uma frigideira com um fio de azeite e o dente de alho. Desligue o fogo quando o espinafre tiver reduzido seu tamanho. Espere esfriar e corte finamente. Misture o espinafre com a farinha, a castanha de caju que deve ser picada e a farinha de rosca. Tempere essa mistura com sal e pimenta. Pegue a mistura e recheie o pedaço de frango que foi desossado, em seguida, amarre com um barbante. Corte a cebola e a batata em fatias. Cozinhe as batatas até que fiquem ao dente, escorra-as. Em uma assadeira untada com azeite, prepare uma cama de batatas e cebolas. Arrume o frango recheado sobre essa cama, banhe com um pouco de azeite e leve ao forno em temperatura alta até que a pele tenha uma cor como a da foto.






 Enjoy it!!!!













sábado, maio 09, 2009

Cena dos próximos capítulos

0 Comments